Escola em Ribeirão Preto de Educação Infantil e Ensino Fundamental

Fale conosco (16) 3621-4650

Compostagem

04/06/2018

A separação de resíduos recicláveis já era uma atividade recorrente na Escola Interativa. A partir do começo deste ano (2018) começamos a separar os resíduos orgânicos para dar uma destinação mais adequada: a compostagem.

Quando pensamos em resíduos recicláveis, facilmente lembramos de papel, plástico, metal e vidro, mas dificilmente pensamos nos resíduos orgânicos. Esquecemos que de todos estes exemplos citados, os resíduos orgânicos são naturalmente reciclados pelos decompositores. Apesar do processo já ocorrer naturalmente, podemos utilizar nosso conhecimento científico para que o processo ocorra de maneira mais eficiente e adequada. É neste contexto que se insere a compostagem.

A compostagem é um conjunto de técnicas que visa estimular a decomposição de materiais orgânicos, com a finalidade de obter, no menor tempo possível, um composto rico em nutrientes e minerais.

A intenção é garantir a proliferação e manutenção de decompositores aeróbicos. Para isso, três coisas são importantes:

1) Umidade: a umidade ideal é a mesma de uma esponja de cozinha que foi molhada e torcida. Ela não está com água escorrendo, mas ao apertá-la, pequenas gotículas ficam em nossa mão.

2) Aeração: sem oxigênio, as bactérias passam a fermentar o material e isso pode causar mau cheiro. Por isso é importante que a composteira tenha entradas de ar e que o composto seja revirado com frequência.

3) Adição de matéria seca: sempre que colocarmos resíduos orgânicos (ricos em nitrogênio) na composteira, também devemos adicionar matéria seca (rica em carbono), na proporção de 1:2. Além de balancear a proporção nitrogênio/carbono ideal para os decompositores, a matéria seca ainda auxilia na aeração do composto, criando minúsculos dutos de ar. Ela também auxilia a regular a umidade, uma vez que os resíduos colocados na composteira possuem água em sua composição. Exemplos de matéria seca: serragem e folhas secas.

É muito simples fazer o manejo da composteira. Mesmo que aconteça algum problema, como excesso de umidade ou mau cheiro, todo tipo de adversidade pode ser corrigida seguindo estes três princípios básicos.

Após 3 meses nossa primeira leva de composto ficou pronta.